O PRINCIPAL PROBLEMA ECONÔMICO BRASILEIRO É A INFLAÇÃO

O título da reportagem do Valor, de José de Castro e Silvia Rosa, é parecido com a epígrafe deste post: “ Inflação é pior para o PIB do que juros”. O que não quer dizer que a taxa de juros não seja ruim, porque aumenta a dívida pública que a nova geração vai ter que pagar. A citada reportagem termina com uma reflexão do economista José Pena, da Porto Seguro Investimentos:

“ Pena destaca que, apesar do mandato do BC ser o controle da inflação a autoridade não pode ignorar o comportamento da atividade, que compromete a estabilidade da economia. “Um crescimento fraco prejudica a arrecadação e o ajuste das contas públicas e também tem implicação sobre o aumento da inadimplência do mercado.”

Parece-me implícita uma recomendação de que o BC passe a exercer, como os demais bancos centrais dos EUA e da UE, um duplo mandato.

Na verdade, passamos o mês esperando alguns números: dos níveis de inflação e da taxa de juros. Enquanto isso, silenciosamente, a correção monetária exerce o seu papel destruidor no dia a dia…


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.