E SE KADAFI GANHAR A PARADA ?

Contava-se, antigamente, uma anedota sobre um coronel de uma republiqueta latino-americana que, tomando como exemplo o que ocorrera com o plano Marshall, de ajuda aos derrotados na 2ª. Grande Guerra, queria que o seu país invadisse os Estados Unidos para que, depois de derrotado, fizesse jus a uma polpuda reparação financeira, diante do que o seu ajudante de ordens puxa saco fez a seguinte indagação:

“Y si ganamos ?”

Lembrei-me dessa piada a propósito da incerteza sobre o resultado das atuais batalhas entre as tropas leais ao governo e os rebeldes da Líbia, mesmo com toda a ajuda que estes últimos estão recebendo das potências ocidentais.

Com efeito, o que ocorrerá se o governo de KADAFI for o vencedor da guerra civil que está se travando naquele país ?

Creio que, depois de tudo o que aconteceu até agora, os países  ocidentais envolvidos não aceitarão a permanência dos KADAFis no poder.

Mas é possível que os termos do pretendido cessar fogo e das negociações para a cessação dos enfrentamentos militares, se houver a vitória do governo líbio ou, até mesmo, se o jogo terminar com um “empate”, serão muito mais favoráveis à família KADAFI do que se eles forem militarmente derrotados.


Deixe um comentário

Seu e-mail nunca será publicado.